domingo, 30 de outubro de 2011

Que merda, tchê!


O Flamengo tinha uma missão bastante complicada nessa rodada: vencer o Grêmio no Olímpico lotado e com muita pressão em cima do Ronaldinho. Todos sabiam que seria uma ótima partida, devido às circunstâncias. Não foi diferente do que todos imaginavam, foi um ótimo jogo, com as duas equipes buscando a vitória. O Flamengo porque ainda briga pelo título e o Grêmio porque vencer o Ronaldinho era uma questão de honra. No final, as viúvas gaúchas saíram de casa com o dever cumprido e complicaram muito a vida do Flamengo na briga pelo título.

O Willians foi afastado do time durante a semana, o que gerou uma vaga no meio de campo do Flamengo. Todos esperavam a entrada do Muralha, porém, o Luxemburgo escalou o garoto Thomas, dando assim, muito mais ofensividade ao time. Com a cria da Gávea de titular, o time fez um primeiro tempo fantástico ofensivamente, chegando a abrir uma vantagem de 2x0. O Ronaldinho não sentiu a pressão imposta pela torcida do Grêmio e fez um belo primeiro tempo. Porém, a equipe mostrou desde o inicio que tinha problemas na defesa, o Felipe já tinha feito algumas defesas difíceis, até que, no final do primeiro tempo, em uma falha do Welinton, saiu o gol do Grêmio. 

As duas equipes voltaram com a mesma postura no segundo tempo. O Grêmio, pela necessidade, veio pra cima do Flamengo e em mais uma falha individual, dessa vez do Renato Abreu, empatou a partida. Logo em seguida, o LuxemBURRO, tirou o Thomas, que era um dos melhores em campo e colocou o Muralha. A partir daí, o time recuou um pouco e começou a tomar pressão dos gaúchos, que embalados pela torcida fizeram o terceiro e o quarto gol. Final de jogo. Grêmio 4x2 Flamengo.


Existem muitos defensores do Luxa, mas hoje o que ele fez foi um absurdo. O time estava bem e o Thomas era um dos melhores em campo, até que foi substituído para dar lugar a um volante. Mais uma vez o Flamengo perdeu uma partida onde tinha tudo para vencer, e, mais uma vez, com uma grande parcela de culpa do Luxemburgo. Porque ele não tirou o Renato Abreu, que estava mal, pra colocar o Muralha? Essa não é bem a pergunta correta, a pergunta correta é: Porque o Luxa nunca substitui o Renato? Por mais que ele esteja mal, nunca é substituído. Sem contar o Welinton que nunca jogou nada e mesmo assim é titular absoluto da equipe. É difícil entender o professor.

Com a derrota, o Flamengo da praticamente adeus ao título. É claro que ainda é possível, afinal, estamos falando de Flamengo. Porém, a situação ficou muito complicada devido à “fácil” série de jogos que alguns clubes têm pela frente. O que a torcida não pode é jogar a toalha agora. Se tiver que vaiar, vaie. Se tiver que protestar, proteste. Se tiver que reclamar, reclame. Só não pode abandonar o time nessa reta final, porque mais do que nunca os jogadores precisam da nação.

SRN!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário